iklan

EDUCAÇÃO, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE

MEJD discute indemnizações com ocupantes da Escola Bidau Akadiru-Hun

MEJD discute indemnizações com ocupantes da Escola Bidau Akadiru-Hun

Ocupantes do perímetro da Escola Básica Central de Bidau Akadiru-Hun. Imagem Tatoli/António Daciparu.

DÍLI, 21 de outubro de 2022 (TATOLI) – A Secretaria de Estado das Terras e Propriedades e o Ministério da Educação, Juventude e Deporto (MEJD) vão reunir-se com os ocupantes do perímetro da Escola Básica Central de Bidau Akadiru-Hun para discutir os montantes das indemnizações.

O Diretor-Geral das Terras e Propriedades, Lucas António da Costa, recordou que a direção já enviou, no mês passado, uma notificação de despejo para que os habitantes desocupem aqueles espaços até 30 de setembro.

“O Ministro da Justiça já orientou a equipa da Secretaria de Estado das Terras e Propriedades para cooperar com o MEJD de modo a realizar um diálogo com os ocupantes para que se possa alocar um orçamento a fim de solucionar a questão”, informou o dirigente, à Tatoli, em Bebora, Díli.

Segundo o responsável, é necessário desocupar o perímetro escolar para garantir um ambiental escolar adequado.

Lucas António da Costa acrescentou que a o Governo deve mudar estas famílias com base na legislação, mas é preciso criar condições e garantir os direitos daquelas.

Recorde-se que o município de Díli tem atualmente 223 escolas, sendo que dez delas têm 53 famílias a ocupar o perímetro escolar.

Notícia relevante: Ocupantes de espaços escolares recebem notificação de despejo

Jornalista: Isaura Lemos de Deus

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!