iklan

ÚLTIMAS NOTÍCIAS, DÍLI, NACIONAL, NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA, NOTÍCIAS DE HOJE

Jornalistas timorenses precisam de aprender a língua portuguesa

Jornalistas timorenses precisam de aprender a língua portuguesa

Imagem do Consultório da Língua para Jornalistas (CLJ).

DÍLI, 06 de maio de 2021 (TATOLI) – A Diretora do Timor Post, Suzana Cardoso, pediu hoje aos jornalistas timorenses que aprendessem a língua portuguesa através das diversas formações disponíveis em Timor-Leste, a fim de escreverem bem as notícias informativas para consumo público.

“Os jornalistas timorenses têm como única alternativa para aprender a língua em causa ler livros de literacia em português “, disse a diretora à Agência Tatoli, via WhatsApp.

Suzana Cardoso recordou ainda que o Timor Post também publica notícias em português, pois  emprega jornalistas que escrevem diariamente nesta língua, sendo apoiados por formadores de português do Consultório da Língua para Jornalistas.

A antiga jornalista referiu ainda que, se os profissionais da comunicação social  tivessem a possibilidade de aprofundar o seu conhecimento da língua portuguesa em universidades, seria uma boa oportunidade para aumentarem as suas capacidades no dominío da língua.

Questionada sobre os desafios enfrentados pelos jornalistas e media timorenses na promoção, divulgação e consolidação da língua portuguesa em Timor-Leste, a Diretora referiu ainda que dois grandes obstáculos são a pouca oferta de cursos e a falta de prática do idioma.

Segundo a dirigente, o Ministério da Educação, Juventude e Desporto (MEJD) tem um papel importante na promoção da língua portuguesa através da educação inovadora e criativa dos estudantes.

“A comunidade escolar tem a obrigação de falar, rezar, cantar e escrever em português”, revelou.

A responsável pediu ainda ao Governo que avaliasse a promoção da língua portuguesa nas escolas, comunidade, serviços administrativos, entre outros, para descobrir os pontos importantes para a sua implementação em Timor-Leste.

“O Executivo tem de ser criativo na promoção da língua portuguesa, porque a qualidade da educação é fraca”, referiu.

Jornalista: Domingos Piedade Freitas

Editor: Zezito Silva

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!