iklan

INTERNACIONAL, ECONOMIA, DEFESA, DÍLI, NOTÍCIAS DE HOJE

Austrália vai rever plano de construção do Porto de Hera

Austrália vai rever plano de construção do Porto de Hera

Imagem da Tatoli/Egas Cristóvão

DÍLI, 16 de março de 2023 (TATOLI) – O Embaixador da Austrália em Timor-Leste, Bill Costelo, informou que o projeto de construção do Porto de Hera está a ser revisto na sequência de “algumas dificuldades técnicas” encontradas no terreno, designadamente “dificuldades devido ao solo e à geologia”. 

O diplomata referia-se à morfologia do solo, nomeadamente a solos mais rochosos que o esperado, bem como à orografia do terreno (terrenos montanhosos) que, com falta de vias rodoviárias adequadas, dificulta o transporte de materiais de construção.

Face a esta realidade, o diplomata informou que vai agendar um encontro com o Ministério da Defesa e com as FALINTIL-Forças de Defesa de Timor-Leste (F-FDTL) por considerá-las as instituições mais relevantes na discussão dos possíveis caminhos a seguir face às dificuldades sentidas.

Questionado sobre a calendarização da entrega de dois navios de patrulha Guardian Class do Governo australiano às F-FDTL, o diplomata não adiantou uma data específica e reconheceu que a construção enferma de algum atraso. “A fase inicial está em curso, não sei uma data específica, mas vamo-nos manter em permanente contacto com as nossas equipas australianas”.

Bill Costello acrescentou que o Executivo australiano está empenhado em oferecer dois navios a Timor-Leste para ajudar o país a reforçar a patrulha das suas fronteiras marítimas e a proteger os seus recursos naturais.

De lembrar que aquelas embarcações estão a ser construídas pela empresa Austral, no âmbito do Programa de Segurança Marítima do Pacífico (PMSC, em inglês) do Executivo australiano.

Recorde-se que o Ministro da Defesa, Filomeno da Paixão de Jesus, tinha dito que o ministério tem previstos 90 milhões de dólares americanos para a construção de infraestruturas e instalações do Porto de Hera, nomeadamente as das zonas A e C.

Segundo o ministro, a edificação da zona B será financiada pelo Governo timorense juntamente com o australiano.

 Notícia relevante: Ministério da Defesa prevê 90 milhões de dólares para projeto do Porto de Hera

Jornalista: Afonso do Rosário

Editora: Isaura Lemos de Deus

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!