iklan

EDUCAÇÃO, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE, SEGURANÇA

Governo e PITL apelam à população para que evite conflitos no período da campanha eleitoral

Governo e PITL apelam à população para que evite conflitos no período da campanha eleitoral

Diretor-Geral da SEPC, o superintendente Ismael Belo.

DÍLI, 07 março de 2022 (TATOLI) – A Secretaria de Estado da Proteção Civil (SEPC), a Polícia Nacional de Timor-Leste (PNTL) e a Plan International de Timor-Leste (PITL) apelam a toda a sociedade para que evite conflitos durante o período da campanha eleitoral.

A gestora do Programa de Prevenção de Conflitos da PITL, Laura Pina, disse que este programa é uma parceria com o Ministério do Interior, através do Departamento Nacional de Prevenção de Conflitos Comunitários da SEPC, tendo por objetivo transmitir mensagens à população e contribuindo, assim, para a paz e estabilidade do país.

“É necessário garantir que toda a sociedade evite conflitos. A mensagem também ajuda as pessoas a respeitarem a igualdade de género, bem como a proteger e a garantir que todas as crianças tenham acesso à escola e a que a população realize o trabalho diário com segurança”, afirmou a gestora aos jornalistas, na sala de reuniões do Ministério do Interior, em Caicoli.

A responsável lembra igualmente que a PITL trabalha em cooperação com as instituições governamentais para alertar a comunidade sobre a prevenção de conflitos.

Também o Diretor-Geral da SEPC, o superintendente Ismael Belo, disse que a SEPC se está a focar na mitigação de conflitos no seio da comunidade.

“Estamos a sensibilizar a população através da divulgação de mensagens, principalmente durante o período da campanha presidencial. Todos têm direito de escolher o novo presidente, mas também têm o direito à segurança no período de campanha eleitoral”, afirmou.

A atividade de sensibilização realiza-se, entre o dia de hoje e 9 de março, nos sucos e no município de Díli.

A ideia foi corroborada pelo vice-comandante da PNTL, João Sancho Pires, revelando que a instituição vai divulgar mensagens a toda a comunidade de Díli sobre a prevenção de conflitos.

“Os membros da PNTL deslocar-se-ão a todas as aldeias da capital. Vamos alertar a população para não violar os direitos humanos. A polícia garante que todas as pessoas vivam em segurança”, assegurou.

Segundo o programa da PITL, esta atividade também será realizada em Aileu e em Ainaro.

A Plan International de Timor-Leste financia o projeto com 10 mil dólares americanos para o período de três anos.

Jornalista: Jesuína Xavier

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!