iklan

INTERNACIONAL, DÍLI, NOTÍCIAS DE HOJE

EUA apoia Ministério do Interior com fundo adicional no valor de novecentos mil dólares  

EUA apoia Ministério do Interior com fundo adicional no valor de novecentos mil dólares  

Vice-Ministro do Interior (MI), António Armindo.

DÍLI, 09 de julho de 2021 (TATOLI) – O Governo dos Estados Unidos da América ofereceu hoje um fundo adicional de novecentos mil dólares americanos para impulsionar os esforços do Governo timorense na resposta às cheias.

O Embaixador dos Estados Unidos, Charles Kevin Blackstone, disse que esta assistência adicional é para salvar vidas, atender às necessidades humanitárias urgentes e ajudar os habitantes afetados a se recuperarem das inundações que destruíram terras agrícolas em Timor-Leste, no passado mês de abril.

“Timor-Leste, como parte da nossa força de parceria, temos o prazer de fornecer assistência adicional do povo americano aos agricultores timorenses em resposta às inundações devastadoras deste ano”, afirmou hoje o Embaixador, Charles Kevin Blackstone, no edifício do Ministério do Interior, em Vila Verde.

Também o Vice-Ministro do Interior, António Armindo, agradeceu o apoio do Governo e do povo americano que continuam a ajudar o Executivo timorense a fazer face às catástrofes naturais que o país enfrentou.

“Estamos felizes por recebermos esta assistência e podermos ajudar o povo de Timor-Leste. Precisamos mesmo da ajuda de todas as partes. Nós sozinhos não seremos capazes. Precisamos do auxílio de grandes países. Estas doações são muito bem vindas”, salientou.

O novo financiamento é adicionado ao apoio inicial de mil dólares para suprimentos em socorro de emergência no início do Ciclone Tropical Seroja, totalizando cerca de um milhão de dólares como resposta às inundações.

A assistência adicional anunciada hoje pela USAID em parceria com a World Vision distribuirá sementes e ferramentas pelos agricultores para replantarem as colheitas básicas destruídas pelas enchentes.

Também o apoio da USAID aumentará a produção de vegetais e culturas básicas, como milho e arroz, para garantir o aumento do rendimento familiar e a segurança alimentar a mais de 15 mil pessoas.

Jornalista: Afonso do Rosário

Editor: Zezito Silva

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!