iklan

HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE, SAÚDE

Ministério da Saúde cria Biblioteca pública em Lahane

Ministério da Saúde cria Biblioteca pública em Lahane

Ministério da Saúde cria Biblioteca pública em Lahane. Fotografia da Tatoli/Francisco Sony.

DÍLI, 21 junho de 2023 (TATOLI) – O Ministério da Saúde (MS) criou uma biblioteca, em Lahane por iniciativa da respetiva ministra, Odete Belo. O objetivo é disponibilizar livros para que  profissionais de saúde e os cidadãos  possam ter acesso a informação médica, em particular, e sobre saúde, em geral.

“O Ministério da Saúde tem muitos livros, mas não tinha um espaço próprio para os guardar, por isso utilizou instalações de um edifício seu não só para os albergar, mas também para criar uma biblioteca onde qualquer cidadão os pode consultar. Aos profissionais de saúde, que gostem de escrever e publicar, apelo que ofereçam a esta biblioteca exemplares dos seus livros para que as gerações futuras possam aceder aos mesmos. O ministério tem também muitos livros que foram oferecidos por agências internacionais e também produz muitos documentos que é importante guardar. Todos eles estarão acessíveis na nova biblioteca”, informou Odete Belo, esta terça-feira, na cerimónia de lançamento da nova Biblioteca, em Lahane.

O Vice-Ministro da Saúde, Bonifácio ‘Maucoli’ dos Reis, especificando que a Biblioteca do Ministério da Saúde é importante para que estudantes e investigadores façam consultas bibliográficas, atribuiu-lhe um valor maior: “Esta biblioteca é importante para guardar livros, sobretudo na área de saúde, para que seja uma referência para as nossas gerações e também para os futuros profissionais de saúde.  Nos municípios, há livros que podemos guardar nesta biblioteca. Também recebemos livros de alguns ministérios, como o Ministério da Agricultura e o da Administração Estatal”.

A Diretora de Logística, Gestão e Património, Emília Mendonça, informou que a biblioteca está aberta ao público em geral e ressalvou que “todo o acervo do Ministério da Saúde acumulado desde 2001 foi oferecido à nova biblioteca, havendo ainda livros de organizações internacionais como a Organização Mundial de Saúde”.

Emília Mendonça ainda informou que, para aceder à nova biblioteca, terá de se possuir um cartão, quer para se ler no local, quer para levar livros emprestados. “Os leitores terão de cumprir as regras”, avisou, acrescentando que, para aquele efeito, “a direção vai preparar um regulamento sobre o acesso à biblioteca para que ela funcione bem”.

Equipa da TATOLI

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!