iklan

HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE, SAÚDE

Ministério da Saúde regista 182 casos de dengue e três vítimas mortais

Ministério da Saúde regista 182 casos de dengue e três vítimas mortais

Equipa de saúde está a efetuar operações de fumigação nas aldeias afetadas por casos de dengue. Imagem da Tatoli/António Gonçalves.

DÍLI, 16 de fevereiro de 2023 (TATOLI) – O Ministério da Saúde registou, desde o início do ano, 182 casos de dengue e três vítimas mortais, informou o Chefe do Departamento da Vigilância Epidemiológica, Filipe Machado.

Filipe Machado afirmou ainda que a maioria dos pacientes infetados com dengue pertencem aos municípios de Díli, com 108 casos, de Baucau 40, de Lautém 14, de Viqueque nove, de Bobonaro sete e de Manufahi dois.

“Duas vítimas mortais eram de Díli e uma de Lautém. Nestes, apesar de infetados com dengue, julga-se que o atraso da família em levá-los para centros de saúde terá apressado o falecimento”, disse o responsável.

Questionado sobre a melhor forma de combate ao dengue no país, o responsável referiu que todos os cidadãos devem fazer ações de limpeza em ambientes domésticos.

“O Governo pode efetuar operações de fumigação em residências e distribuir à população produtos químicos para o abate de mosquitos mas estas ações não são suficientes para combater o dengue, pois os químicos não matam os ovos de mosquitos”, explicou.

Filipe Machado solicitou à população que limpasse os tanques de água, pois naqueles, o desenvolvimento dos ovos dos mosquitos é rápido.

O dengue é provocado pelos mosquitos de Aedes Aegypty. Este tipo de mosquitos circula ativamente a partir às 06h00 da manhã e, até 18h00 da tarde, morde as pessoas que podem ficar infetadas com dengue.

Recorde-se que o país reportou, no ano passado, 5.480 infetados com dengue e registou 57 vítimas mortais.

Notícia relevante: Díli já registou 17 casos do dengue desde o início de 2023

Jornalista: Jesuína Xavier

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!