iklan

INTERNACIONAL, ECONOMIA, HEADLINE

TradeInvest atribui Certificados de Investidor e Declarações de Benefícios a duas empresas

TradeInvest atribui Certificados de Investidor e Declarações de Benefícios a duas empresas

TradeInvest atribui Certificados de Investidor e Declarações de Benefícios a duas empresas. Fotografia/TradeInvest.

DÍLI, 22 de dezembro de 2022 (TATOLI) – A TradeInvest, Agência de Promoção e Exportação, atribuiu Certificados de Investidor e Declarações de Benefícios à empresa estrangeira Shayanrayan, do Irão e  à empresa timorense Cipriano Felix, para investirem na área de aquicultura e agricultura.

O Ministro Coordenador dos Assuntos Económicos, Joaquim Amaral, destacou a importância do investimento empresarial para a melhoria da imagem do país, a nutrição e a garantia de postos de trabalho a fim de reduzir o desemprego.

“O investimento visa diversificar a economia do país através da inovação de matéria-prima para responder às necessidades do mercado”, afirmou o governante, em Colmera, Díli.

A este propósito, o Diretor-Executivo da TradeInvest, Arcanjo da Silva, mostrou-se orgulhoso com estes investimentos para a recuperação económica no país.

“O investimento nos setores da pecuária e agricultura pretende dar um retorno à nação, através das receitas. Este ano, investimos cerca de mil milhões de dólares, dos quais 700 milhões são do grupo empresarial Pelican Paradise e mais de 50 milhões da empresa internacional A-Smart Holdings”, acrescentou.

Também Arsénio da Costa Cabral Pinto, proprietário da empresa Cipriano Felix, pediu a todos os empresários que promovessem os produtos locais, para não ficarem dependentes das importações.

“Os empresários comprometeram-se a desenvolver o setor produtivo de forma sustentável”, frisou.

Segundo Arsénio da Costa Cabral Pinto, todas as entidades timorenses devem plantar coqueiros para a produção e o desenvolvimento da indústria de óleo em Timor-Leste.

A empresa Cipriano Félix vai investir um milhão de dólares americanos na área da agricultura em Lautém, num terreno de 20 hectares para plantar milho e amendoim.

Além disso, a Shayanrayan vai investir três milhões de dólares no município de Liquiçá na área da pecuária. A empresa tem entre quatro e dez hectares de terreno para o investimento.

Jornalista: Jesuína Xavier

Editora: Isaura Lemos de Deus

 

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!