iklan

INTERNACIONAL, ECONOMIA, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE

TL e empresa japonesa assinam acordo para pesquisa sobre recursos genéticos e biodiversidade

TL e empresa japonesa assinam acordo para pesquisa sobre recursos genéticos e biodiversidade

Presidente da Nimura Genetic Solutions, Sathosi Nimura, e o Secretário de Estado do Ambiente, Demétrio do Amaral de Carvalho. Imagem/SEA.

DÍLI, 06 de janeiro de 2022 (TATOLI) – O Governo de Timor-Leste (TL), através da Direção Nacional da Biodiversidade do Secretariado de Estado do Ambiente (SEA), e a empresa japonesa, Nimura Genetic Solutions, assinaram uma nota de entendimento sobre a promoção e pesquisa de recursos da biodiversidade.

O Secretário de Estado do Ambiente, Demétrio do Amaral de Carvalho, na sua intervenção, realçou que a assinatura em causa é pertinente para Timor-Leste, pois o país é rico em biodiversidade, mas ainda não comercializa bem os recursos existentes.

“A cooperação com a Nimura Genetic Solutions proporcionará condições para que Timor-Leste reforce a cooperação na exploração da biodiversidade e também nos ajudará a realizar pesquisas sobre o potencial dos recursos genéticos e promover a nossa biodiversidade no mercado da bioprospeção”, afirmou.

O governante adiantou que outro objetivo deste acordo é a continuação do projeto, através do qual a Direção Nacional da Biodiversidade recebe verbas do Fundo Global para o Ambiente, no âmbito do projeto de Acesso Partilhado de Benefícios (ABS, em inglês).

“O orçamento provém do Fundo Global para o Ambiente, no valor de 1,3 milhões de dólares, que a Direção Nacional da Biodiversidade recebe desde o ano passado, sendo que o projeto continuará até 2024. Espero que, ao longo de quatro anos, possamos capitalizar a nossa indústria no mercado da bioprospeção”, acrescentou.

Demétrio do Amaral informou também que, desde que Timor-Leste ratificou a convenção da biodiversidade em 2006, o Governo ainda não capitalizou os seus recursos.

O Presidente da Nimura Genetic Solutions, Sathosi Nimura, mostrou-se satisfeito com esta assinatura e considerou que Timor-Leste é um país com grande potencial em termos de biodiversidade e recursos genéticos.

 “A assinatura em causa irá reforçar a cooperação para ajudar Timor-Leste na realização de investigação sobre recursos genéticos e na documentação da riqueza da biodiversidade. Também ajudará o país a assegurar que os estrangeiros não roubem os seus recursos da biodiversidade”, concluiu.

Jornalista: Afonso do Rosário

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!