iklan

HEADLINE, NACIONAL, NOTÍCIAS DE HOJE

MAPCOMS pede cobertura equilibrada durante a campanha eleitoral

MAPCOMS pede cobertura equilibrada durante a campanha eleitoral

Ministro dos Assuntos Parlamentares e Comunicação Social, Francisco Martins da Costa Jerónimo.

DÍLI, 03 de janeiro de 2022 (TATOLI) – O Ministro dos Assuntos Parlamentares e Comunicação Social (MAPCOMS), Francisco Jerónimo, pediu aos órgãos de comunicação social que dedicassem espaço à cobertura da campanha de todos os candidatos a Presidente da República.

“Peço aos órgãos de comunicação social para darem espaço a todas as candidaturas de modo a divulgar o seu programa durante a campanha”, disse o governante, após o encontro regular com o Primeiro-Ministro, Taur Matan Ruak, na residência, no Farol.

O governante pediu ainda a todos os canais de rádio e televisão no país que oferecessem tempo de antena a todas as candidaturas segundo a regra estabelecida para assegurar a estabilidade da comunicação social.

Também o Conselho de Imprensa de Timor-Leste pediu a todos os jornalistas que divulgassem de forma equilibrada as informações sobre o ciclo das eleições presidenciais de 2022 e das parlamentares em 2023.

“Os órgãos de comunicação social têm de divulgar informações com qualidade e equilíbrio. Sabemos que os partidos políticos pretendem argumentar uns com os outros”, afirmou o Presidente do Conselho de Imprensa de Timor-Leste, Virgílio Guterres.

O responsável referiu ainda que a presença da imprensa visa neutralizar a situação e divulgar informações educativas ao público.

O Conselho de Imprensa prestará atenção à Rádio e Televisão de Timor-Leste e à Agência Tatoli, pois são instituições do Estado.

O presidente salientou também que os outros meios de comunicação social devem participar, pois as informações que divulgaram durante períodos eleitorais anteriores contribuíram para o desenvolvimento da democracia no país.

Recorde-se que o Presidente da República anunciá, na segunda semana de janeiro, a data das eleições presidenciais.

É de lembrar que o Ministério da Administração Estatal (MAE) tinha antes proposto ao Presidente Lú Olo o dia 18 de março para as eleições presidenciais.

Notícia relevante: Órgãos de comunicação social têm de fazer uma cobertura equilibrada do ciclo de eleições

Jornalista: Domingos Piedade Freitas

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!