iklan

INTERNACIONAL, ECONOMIA, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE

TradeInvest recebe dez pedidos de investidores estrangeiros para setor petrolífero

TradeInvest recebe dez pedidos de investidores estrangeiros para setor petrolífero

Diretor-Executivo da TradeInvest, Arcanjo da Silva. Francisco Sony.

DILI, 25 de novembro de 2021 (TATOLI) – A Agência Nacional para a Promoção do Investimento e Exportação, TradeInvest, IP recebeu mais de 10 pedidos de investidores estrangeiros, via email, com interesse em investir no setor petrolífero.

Os pedidos vêm na sequência do fórum governamental e empresarial de Timor-Leste do setor petrolífero na Expo 2020 no Dubai.

“Depois de a TradeInvest voltar da Expo 2020 Dubai, recebeu mais de 10 emails de investidores estrangeiros [que mostram interesse em investir no setor do petróleo]. A promoção do setor petrolífero de Timor-Leste é importante para atrair mais investidores. Acredito que a Autoridade Nacional do Petróleo e Minerais (ANPM) recebeu mais emails. Às vezes, os investidores vêm primeiro à TradeInvest e depois, à ANPM, ou vice-versa”, disse o Diretor Executivo da TradeInvest, Arcanjo da Silva, aos jornalistas na sede da agência.

O diretor garantiu que a TradeInvest apoiou a ANPM durante o fórum de negócios do setor do petróleo na Expo 2020 Dubai.

Segundo o diretor, mais de 50 investidores estrangeiros estiveram presentes no fórum, inaugurado oficialmente pelo Ministro do Petróleo e Minerais, Víctor da Conceição Soares.

Arcanjo da Silva explicou que a ANPM apresentou os 18 novos locais de exploração de petróleo e gás em Timor-Leste, dos quais sete em terra e 11 em alto mar.

“A TradeInvest também discutiu com investidores o processo de investimento em Timor-Leste. Além disso, a SERVE também contribuiu para os informar sobre os procedimentos de registo das suas empresas no país”, referiu.

O diretor referiu ainda que esta agência acompanhará o Ministro Coordenador dos Assuntos Económicos, Joaquim Amaral, na organização de mais um fórum empresarial sobre o setor não petrolífero no Dubai.

“Não devemos depender apenas do setor do petróleo. Precisamos de diversificar a nossa economia e promover o setor não petrolífero. É importante que a equipa volte ao Dubai para organizar o fórum empresarial do setor não petrolífero em fevereiro de 2022”, disse.

O diretor mencionou que os setores da agricultura, infraestruturas, turismo e telecomunicações seriam abordados no fórum.

Journalista: Filomeno Martins/Traduora: Jesuína Xavier

Editora: Nelia Borges Rosario

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!