iklan

ECONOMIA, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE

Motoristas satisfeitos com decisão do Governo de autorizar circulação de transportes públicos

Motoristas satisfeitos com decisão do Governo de autorizar circulação de transportes públicos

Cesarino Nunes Afonso, motorista de uma carrinha de caixa aberta entre o município de Bobonaro e a capital.

DÍLI, 10 de setembro de 2021 (TATOLI) – Cândido de Araújo, motorista da microlete 010, mostra-se satisfeito com a decisão do Governo de reativar a circulação de transportes públicos, porque ajuda as finanças da sua família durante o estado de emergência.

“Agradeço ao Executivo a sua decisão de retomar a circulação de transportes públicos na capital e entre Díli e os municípios para transportarem passageiros”, disse o motorista, à Tatoli, no terminal de Tasi Tolu, em Díli.

Cândido de Araújo, motorista da microlete 010.

Cândido de Araújo recordou que, durante duas semanas, no confinamento obrigatório em Díli, não teve dinheiro suficiente para dar diariamente resposta às necessidades dos seus três filhos e da sua esposa por não trabalhar e o seu patrão não lhe pagar.

Com a retoma do seu trabalho, garante que continua a cumprir as regras do Governo e o protocolo da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde (MS) para a contenção do novo coronavírus.

“Vou pedir a qualquer passageiro que cumpra as regras, como o uso de máscaras e o distanciamento físico, durante a viagem na microlete entre Tasi Tolu, Fatuhada, e Bidau Santa Ana, entre outros”, afirmou.

Cândido de Araújo contou também que atualmente há falta de passageiros, pois a maioria é estudante. A falta de clientes deve-se à suspensão das aulas presenciais.

Também Cesarino Nunes Afonso, motorista de uma carrinha de caixa aberta entre o município de Bobonaro e a capital, garante implementar as regras de saúde, salientando que tem de cooperar com o Estado para prevenir o contágio do vírus no país.

Cesarino Nunes lembrou ainda que já recebeu a vacina da AstraZeneca e realizou testes de PCR de modo a prevenir esta doença invisível.

“Durante a circulação, transporto apenas as pessoas com a vacinação completa. Caso contrário, não autorizo a entrada”, referiu.

Cesarino Nunes transporta também frutas e hortaliças do Município de Bobonaro de e para a capital.

Também a passageira Verónica Helena, agradeceu ao Estado a retoma da circulação de transportes públicos por facilitar o movimento de pessoas de e para a capital.

“Como passageira, vou cumprir o protocolo de saúde para o combate ao novo coronavírus”, concluiu.

Recorde-se que o Governo, através do Ministério dos Transportes e Comunicações (MTC), autorizou hoje a circulação de transportes públicos na capital e entre Díli e os municípios. No entanto, os passageiros têm de apresentar o cartão com a vacinação completa contra a covid-19.

“A autorização para voltar a circular aplica-se às microletes, táxis e autocarros (biscotas) que viajam dos municípios para a capital e vice-versa. Tanto os condutores como os passageiros têm de apresentar o cartão com a vacinação completa “, disse o Diretor-Geral do MTC, Gaspar de Araújo, numa conferência de imprensa, no edifício do MTC, em Caicoli.

O dirigente pediu ainda aos condutores com a documentação dos veículos caducada que procedam à respetiva renovação na Direção Nacional de Transportes Terrestres.

Notícia relevante: Governo autoriza circulação de transportes públicos entre capital e municípios

Jornalista: Domingos Piedade Freitas 

 Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!