iklan

ECONOMIA, NOTÍCIAS DE HOJE

SEFOPE disponibiliza estágio para 484 beneficiários em 16 instituições públicas e privadas

SEFOPE disponibiliza estágio para 484 beneficiários em 16 instituições públicas e privadas

Secretário de Estado para a Formação Profissional e Emprego (SEFOPE), Alarico do Rosário. Imagem/Egas Cristovão.

DÍLI, 11 de novembro de 2020 (TATOLI) – A Secretaria de Estado para a Formação Profissional e Emprego (SEFOPE) vai promover um estágio nacional destinado a 484 beneficiários provenientes de 16 instituições públicas e privadas de Timor-Leste. O programa Estágio Nacional terá a duração de seis meses e tem por objetivo a aquisição de novas competências.

O Diretor Nacional de Formação Profissional, Mateus W. dos Santos Tallo, disse, no âmbito da cerimónia de assinatura de um Memorando de Entendimento, que o estágio nacional constitui uma das atividades anuais da Direção Nacional de Formação Profissional.

“O objetivo do estágio nacional é promover os nossos graduados das universidades, centros de formação e escolas técnico-vocacionais que ainda não tiveram oportunidade de ganhar a confiança das entidades promotoras no sentido de lhes ser dado emprego após a conclusão do estágio”, afirmou Mateus Tallo, em Caicoli, Díli.

Segundo o diretor, os graduados na área técnica vão efetuar um estágio em diversas indústrias para que possam aplicar a teoria estudada durante os cursos nos diferentes centros de formação.

“Os setores público e privado necessitam dos nossos estagiários associados à área da administração, nomeadamente os que obtiveram certificados de nível 2”, referiu.

Mateus Tallo afirmou, por outro lado, que o programa em causa está em linha com a política de formação que visa incentivar os jovens a serem empreendedores e competitivos no mercado de trabalho.

De acordo com o diretor, a SEFOPE disponibilizará aos estagiários incentivos financeiros, distribuídos pelas diferentes áreas – 80 dólares americanos mensais atribuídos aos estagiários  da área da administração, 100 dólares aos estagiários afetos aos setor da agricultura e 120 dólares destinados aos técnicos na área da construção civil.

“O incentivo financeiro visa facilitar a realização das suas atividades diárias”, afirmou.

Mateus Tallo acrescentou que, do total de beneficiários, 101 efetuarão o estágio no setor do turismo e hotelaria, 139 no setor da construção civil, 108 na área da agricultura, 113 na administração e finanças, 14 no setor do automóvel e nove no setor petrolífero.

Os 484 beneficiários vão realizar os seus estágios em várias instituições e empresas, tais como a  Venedimik Aircond, D. Dilson Lda, Jonize Unipessoasl Lda, Golgota Hotel, Jenic Construction Lda, Shah Garden, Matrix Carpintaria, G&S, Three Horses, IPG, Millenium Green Agro, Lauhata Beach, Timor Plaza, FHK Group, ONG ADTL e Ministério da Justiça.

Já o Secretário de Estado para a Formação Profissional e Emprego (SEFOPE), Alarico do Rosário, aproveitou a ocasião para agradecer ao setor privado esta iniciativa que proporciona aos jovens timorenses a sua participação no programa Estágio Nacional, contribuindo, desta forma, para darem o seu contributo ao país.

Jornalista: Nelia Fernandes

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!