iklan

ÚLTIMAS NOTÍCIAS, ECONOMIA, DÍLI, NACIONAL, NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA, NOTÍCIAS DE HOJE

Governo pede a população de Oé-Cusse que aguarde pagamento do subsídio

Governo pede a população de Oé-Cusse que aguarde pagamento do subsídio

DÍLI, 04 de junho de 2020 (TATOLI) – O Diretor-Geral do Ministério da Solidariedade Social e Inclusão (MSSI), Rui Manuel Gago Exposto, pediu à população de Oé-Cusse que aguardasse serenamente o pagamento do subsídio, uma vez que as autoridades da Região Administrativa Especial de Oé-Cusse Ambeno (RAEOA) ainda não deram conhecimento ao MSSI da conta bancária destinada a transferir as verbas referentes ao pagamento do subsídio.

“Peço à população de Oé-Cusse que aguarde calmamente o pagamento do subsídio. O Governo não discrimina ninguém. Por isso, o povo de Oé-Cusse terá acesso ao subsídio após concluirmos o pagamento referente aos12 municípios”, disse o Diretor-Geral à Agência TATOLI, no seu local de trabalho, no edifício do MSSI.

Recorde-se que no passado dia 25 de maio, a Ministra da Solidariedade Social e Inclusão (MSSI), Armanda Berta, enviou uma missiva ao Presidente da RAEOA, José Luís Guterres, sobre a atribuição do pagamento do subsídio à população regional de Oé-Cusse, mas ainda não obteve resposta.

“As autoridades de Oé-Cusse ainda não deram qualquer resposta que permita a discussão sobre a transferência de verbas relativas ao pagamento do subsídio destinado às contas bancárias dos sucos do território regional”, salientou Rui Manuel.

De acordo com os dados da equipa conjunta do secretariado do MSSI, registaram-se 318.151 beneficiários, cujo valor a atribuir é superior a 63,6 milhões de dólares.

Do total do orçamento previsto para os beneficiários que foram diretamente prejudicados durante a crise sanitária provocada pela covid-19, cerca de 2,6 milhões de dólares americanos são destinados ao Município de Aileu, abrangendo 12.958 agregados familiares, e mais de 3,4 milhões de dólares americanos ao Município de Ainaro, com 17.245 beneficiários.

Já o Município de Baucau receberá a quantia de 6,8 milhões de dólares americanos, o equivalente a 34.151 chefes de família, enquanto cerca de 5,7 milhões de dólares americanos estão previstos para o Município de Bobonaro, beneficiando ao todo 28.342 famílias. Serão alocados para o Município de Covalima cerca de 3,7 milhões de dólares americanos, destinados a 18.262 beneficiários.

O Município de Díli receberá o montante de 12,9 milhões de dólares americanos, abrangendo 64.537 chefes de família, enquanto 6,5 milhões de dólares americanos se destinam ao Município de Ermera com 32.585 beneficiários. Já o Município de Liquiçá arrecadará 4 milhões de dólares, beneficiando 20.357 famílias, e cerca de 3,7 milhões de dólares americanos serão alocados ao Município de Lautém, destinados a 18.474 agregados familiares.

Estão ainda previstos 2,8 milhões de dólares para o Município de Manatuto, abrangendo 13.938 famílias, 3 milhões de dólares para o Município de Manufahi, destinados a 15.008 famílias, 4,5 milhões de dólares para o Município de Viqueque para 22.262 famílias e, finalmente, 4 milhões de dólares alocados ao Município de Oé-Cusse, abrangendo ao todo 20.032 famílias.

Jornalista : Domingos Piedade Freitas
Editor: Zezito Silva

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!