iklan

ECONOMIA

Japão apoia estudos para construção de portos marítimos em Timor-Leste

Japão apoia estudos para construção de portos marítimos em Timor-Leste

Bandeiras do Japão e de Timor-Leste. Imagem/Francisco Sony

DÍLI, 19 de outubro de 2023 (TATOLI) – A Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA) está disposta a colaborar com Timor-Leste na construção de portos marítimos de média dimensão. Os portos serão, sobretudo, para a atracagem de embarcações de pesca e, eventualmente, de turismo. Para este efeito, a JICA está a fazer, desde 24 de julho, um estudo de pré-viabilidade para a construção daquelas infraestruturas portuárias em zonas costeiras, designadamente Carabela, em Baucau, Beaço, em Viqueque e Kitahara Mahata, em Oé-Cusse.

O representante da JICA, Ujike Keisuke, informou que este estudo visa fazer um levantamento de dados sobre as condições naturais (orografia, geologia e clima terrestre e marítimo), vias de acesso, uma conceção arquitetónica inicial do projeto bem como estimativas de custos. “Estamos dispostos a apoiar Timor-Leste no desenvolvimento de transportes marítimos, no qual está incluído nos programas prioritários do Governo timorense”, frisou o dirigente à Tatoli, em Díli.

Ujike Keisuke afirmou ainda que não existe ainda qualquer compromisso sobre se a JICA irá financiar um dos portos prioritários acima identificados. No entanto, se o Executivo de Timor-Leste solicitar ao Japão que desenvolva um deles, o Governo nipónico aprovará o pedido e contribuirá para a formulação de um novo projeto, desta vez de carácter mais definitivo.

Recorde-se que, em setembro, um comité de coordenação do Ministério de Transportes e Comunicações, a JICA e a Autoridade Portuária de Timor-Leste discutiram um plano de desenvolvimento dos portos estratégicos em Timor-Leste. Carabela, Beaço, e Kitahara Mahata foram contemplados neste plano.

Jornalista: Afonso do Rosário

Editora: Isaura Lemos de Deus

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!