iklan

HEADLINE, NACIONAL, NOTÍCIAS DE HOJE

PR: aniversário das F-FDTL é motivo para evocar luta pela libertação e esforço de consolidação nacionais

PR: aniversário das F-FDTL é motivo para evocar luta pela libertação e esforço de consolidação nacionais

Presidente da República, José Ramos Horta. Imagem Tatoli/António Daciparu.

DÍLI, 20 de agosto de 2023 (TATOLI)Timor-Leste celebra hoje o 48.º aniversário das FALINTIL-Forças de Defesa Nacional(F-FDTL), sob o mote Comemorar o esforço heróico da luta pela consolidação da identidade e nacionalismo do povo. A ocasião propiciou a que se relembrassem os 23 anos em que aquela força militar, por um lado, assumiu a luta da libertação nacional e, por outro, as mais de duas décadas que se seguiram de esforço pela paz, pelo desenvolvimento nacional e pela construção de um Estado de direito democrático.

O Presidente da República, José Ramos Horta, numa intervenção lida pela Presidente do Parlamento, Maria Fernanda Lay, à margem da cerimónia que teve lugar no Quartel-Geral das F-FDTL, em Díli, especificou esta dupla vertente. Para o primeiro caso, uma forma de homenagear os mártires e heróis que, com sacrifício, empenho e dedicação, derramaram o seu sangue e ofereceram as suas lágrimas e suor pela liberdade do país, estendendo-se a homenagem também aos órfãos, viúvas e viúvos, pais e filhos, irmãos e irmãs que perderam os seus entes queridos para que o sonho de um Timor-Leste livre e independente se tornasse realidade.

No segundo caso, Ramos Horta sublinhou o papel das F-FDTL na manutenção da ordem, na garantia das liberdades individuais e coletiva e ainda enquanto força de manutenção da paz, mas também, como força que, no contexto de um mundo cada vez mais globalizado e independente, assume um papel de vigilância no quadro regional geopolítico onde Timor-Leste está inserido.

“Celebramos assim, num momento solene, com honras, medalhas e festividades, a glória de todos aqueles soldados, sargentos e oficiais anónimos, que estiveram na frente da batalha pela criação das gloriosas FALINTIL, semente de origem e transformação das atuais F-FDTL, a quem confiamos a missão de defender a integridade territorial e a soberania nacional contra qualquer ameaça interna ou externa à nossa independência”, resumiu o Chefe de Estado.

Ramos Horta considera que, apesar do tempo de paz, o perigo de guerra continua a existir, aludindo os conflitos no Iémen ou na Ucrânia. Para o Chefe de Estado os riscos de segurança que justificam a assinatura de acordos e pactos de segurança com nações e organizações aliadas para prevenir e combater, entre outros, o contrabando de pessoas e do tráfico de seres humanos, bem como dos crimes transnacionais e outros crimes conexos, como a pesca ilegal, o terrorismo, a pirataria, o contrabando de mercadorias, de armas ou de estupefacientes.

Por isso, apelou às F-FDTL para se prepararem face a ameaças não convencionais no tempo da paz, ameaças que coloquem em causa o desenvolvimento nacional, a integração regional no espaço da ASEAN e o sistema das Nações Unidas, que se multiplicam em terra, no mar e no ar”.

Intervindo na cerimónia, o Chefe do Estado-Maior das F-FDTL, Tenente-General Falur Rate Laek, considera que esta data tem um grande significado histórico, pois a conquista da independência contou com toda a contribuição do povo timorense num único objetivo, expulsar os invasores e acabar com a opressão rumo à libertação total.

Com emoção e orgulho comemoramos 48 anos de existência das FALINTIL, que na altura estiveram ao lado do povo que tinha a mesma ideologia na luta contra o invasor. Esta vitória foi alcançada com dificuldades e alguns insucessos, mas a coragem do povo e dos combatentes das várias frentes [armada, clandestinas e diplomacia] não persistiu”, declarou.

Falur Rate Laek disse ainda acreditar que a homenagem que hoje se fez seja um impulso para a unidade nacional.

“Temos de mostrar a nossa qualidade de bons cidadãos para o povo e para o país, contribuindo para a paz e para a unidade para enfrentarmos juntos os desafios do futuro”.

Jornalista: Afonso do Rosário

Editora: Maria Auxíliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!