iklan

DÍLI, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE, SOCIEDADE CIVIL

Idul Fitri: Ramos Horta pede a muçulmanos que contribuam para desenvolvimento do país

Idul Fitri: Ramos Horta pede a muçulmanos que contribuam para desenvolvimento do país

Presidente da República, José Ramos Horta. Fotografia da Tatoli/Egas Cristovão.

DÍLI, 22 de abril de 2023 (TATOLI) – O Presidente da República, José Ramos Horta, pediu, à comunidade muçulmana que contribua para o desenvolvimento de Timor-Leste. O pedido surgiu no âmbito da cerimónia de celebração do Idul Fitri, organizada pela Embaixada da Indonésia em Timor-Leste.

“Existem várias confissões religiosas no país e elas vivem em harmonia. Dado que hoje é a celebração do fim do jejum dos muçulmanos em todo o mundo, aproveitei a oportunidade para apelar aos muçulmanos que continuassem a contribuir para o desenvolvimento do país”, disse José Ramos Horta, na Embaixada da Indonésia, em Díli.

O Chefe de Estado congratulou também os muçulmanos indonésios que vivem atualmente em Timor-Leste, “um país exemplar que reúne várias etnias”.

“Estou nesta cerimónia a convite do Embaixador da Indonésia para celebrar em conjunto com os cidadãos indonésios em Timor-Leste este dia importante, o Idul Fitri”, disse Ramos Horta.

Também o Embaixador indonésio, Okto Dorinus Manik, realçou que os muçulmanos celebram anualmente o Idul Fitri e este evento faz parte de uma reunião entre a comunidade indonésia.

“Este é uma celebração de fé e fraternidade entre a comunidade indonésia no país. É um dia de vitória pois assinala o término do jejum de cerca de 30 dias. A vitória que celebramos hoje faz parte da vitória para todos”, disse o diplomata.

Segundo os dados da Embaixada da Indonésia, existem cerca de 7 mil cidadãos indonésios em Timor-Leste.

Notícia relevante: Anwar da Costa saúda comunidade muçulmana em Timor-Leste

Jornalista: Domingos Piedade Freitas

Editora: Maria Auxiliadora 

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!