iklan

HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE, SAÚDE

Pouco mais de 10% de crianças evoluíram nutricionalmente

Pouco mais de 10% de crianças evoluíram nutricionalmente

Diretor Nacional da Saúde Pública, Frederico Bosco. Imagem Tatoli/Francisco Sony.

DÍLI, 09 de março de 2023 (TATOLI) – O Diretor Nacional da Saúde Pública, Frederico Bosco, informou que 277 crianças já não registam carências nutricionais, de um total de 2.478 que padeciam de má nutrição no ano passado.

“Otimizamos a nutrição das crianças, focamo-nos no tratamento e 277 com má nutrição aguda e moderada já recuperaram”, disse o diretor, em Caicoli.

O dirigente afirmou ainda que, em 2022, os centros de saúde rastrearam o estado nutricional de 51.420 crianças com menos de cinco anos, salientado que este tipo de atividades se realiza mensalmente.

Apesar de considerar que o Governo tem investido no combate à doença, Frederico Bosco considera que ainda existe um longo caminho a percorrer.

Recorde-se que o Executivo alocou, em 2019, 44 milhões de dólares americanos para atividades de Nutrição e em 2020 o orçamento foi reforçado com 56 milhões provenientes do Fundo COVID-19.

Em 2021, o Governo alocou ainda 68 milhões de dólares, no âmbito do Pacote de Recuperação e Estímulo à Economia e em 2022 aumentou novamente o valor para 117 milhões, dos quais se incluem as despesas associadas ao Programa Cesta Básica.

Segundo os dados da Pesquisa de Alimentação e Nutrição de 2020, 47% das crianças sofriam de nanismo e 8,8% com menos de cinco anos apresentavam peso inferior ao ideal.

Notícia relevante: Mais de duas mil crianças sofrem de má nutrição

Jornalista: Jesuína Xavier

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!