iklan

INTERNACIONAL, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE

Olufunmilayo Balogun-Alexander é nova Coordenadora Residente da ONU em Timor-Leste

Olufunmilayo Balogun-Alexander é nova Coordenadora Residente da ONU em Timor-Leste

Olufunmilayo Abosede Balogun-Alexander da Nigéria, nova Coordenadora Residente da ONU em Timor-Leste. Fotografia/ONU.

DÍLI, 05 de dezembro de 2022 (TATOLI) – O Secretário-Geral das Nações Unidas (ONU), António Guterres, nomeou Olufunmilayo Abosede Balogun-Alexander da Nigéria, como nova Coordenadora Residente da organização em Timor-Leste.

Segundo o comunicado da organização, a nigeriana tem mais de 30 anos de experiência a trabalhar e a liderar projetos humanitários, de paz e de desenvolvimento das Nações Unidas e de organizações não-governamentais (ONG) internacionais.

Antes da sua nomeação, para levar a cabo a missão da organização em Timor-Leste, Balogun-Alexander tinha assumido funções como Chefe da Normativa Humanitária e Coordenadora da Ação Mulheres da ONU, na resposta global da organização face a crises humanitárias.

Em funções anteriores, a nigeriana apoiou vários gabinetes da ONU Mulheres para reforçar a integração de uma perspetiva de género e liderar a resposta humanitária nos países afetados pela crise.

Balogun-Alexander desempenhou o papel de Representante da ONU Mulheres na Etiópia, Diretora de Relações Externas e Advocacia para a Federação Internacional de Planeamento Familiar para África e Gestora de Programas do Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para as Mulheres no Quénia.

A nigeriana liderou e apoiou equipas multifuncionais a vários níveis, em contextos nacionais, com o objetivo de alcançar impactos e resultados, particularmente em relações humanitárias, desenvolvimento e paz.

Balogun-Alexander chefiou a coordenação interagências da ONU para avaliações conjuntas e lidera o desenvolvimento e implementação de programas orgânicos, incluindo os de violência baseada no género, questões de governação e proteção contra a exploração e abuso sexual, defesa de grupos minoritários, para assegurar que ninguém fique para trás na consecução dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Balogun-Alexander é mestre em Género e Desenvolvimento pelo Instituto de Estudos de Desenvolvimento, Universidade de Sussex, do Reino Unido, e bacharel em inglês pela Universidade de Lagos, Nigéria.

Jornalista: Afonso do Rosário

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!