iklan

ECONOMIA, EDUCAÇÃO, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE

CORE Group-TL discutiu execução do Fundo Verde para Clima com alunos da UNTL

CORE Group-TL discutiu execução do Fundo Verde para Clima com alunos da UNTL

Discussão sobre o Fundo Verde para o Clima na UNTL. Imagem Facebook/ Core Group Transparency.

DÍLI, 01 de dezembro de 2022 (TATOLI) – A Organização Não-Governamental Core Group – Timor-Leste (CORE Group-TL) realizou um seminário junto dos alunos da Universidade Nacional Timor Lorosa’e (UNTL) sobre a implementação do Fundo Verde para o Clima (FVC). O objetivo é que, sabendo os fins a que se destinam as verbas, o fundo seja aplicado com transparência.

De acordo com o representante da CORE GROUP-TL, Dionísio Duarte, a iniciativa tem por objetivo conhecer as vantagens da execução das verbas doadas pelas organizações internacionais, como o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento e a Mercy Corps.

Segundo um estudo  da organização de 2022, apesar de toda a população ter beneficiado do apoio monetário, registou-se uma menor participação de mulheres e pessoas com deficiência.

“Um dos benefícios [deste fundo] é cultivar mangais, pois trata-se de uma área de viveiro dos peixes, o que contribui para o aumento dos rendimentos dos pescadores”, afirmou Dionísio Duarte.

“No próximo ano, vamos efetuar outro estudo para suprir as lacunas existentes [menor participação de mulheres e pessoas com deficiência]” sublinhou, acrescentando que os dados do estudo foram recolhidos nos municípios de Díli, Bobonaro, Covalima e Liquiçá.

Também Leonardo Nicolau Ximenes, um dos participantes na discussão, destacou a importância do seminário por trazer benefícios ao país.

A CORE Group-TL começou a proceder à monitorização sobre os fundos em 2021.

Este fundo visa limitar ou reduzir as emissões de gases de efeito estufa nos países em desenvolvimento e ajudar as sociedades vulneráveis a adaptarem-se aos impactos inevitáveis das mudanças climáticas. No caso de Timor-Leste são apropriadas, entre outros, o cultivo de árvores e a preservação de mangais.

O FVC é o maior fundo do mundo dedicado ao apoio aos países em desenvolvimento na redução das suas emissões de gases de efeito estufa e na melhoria da sua capacidade de resposta às alterações climáticas. Atua através da canalização de financiamento a estes países, para que se unam na concretização de ações de proteção do meio ambiente.

O fundo foi criado em 2010 por 194 países que fazem parte da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas.

Equipa da Tatoli

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!