iklan

POLÍTICA, INTERNACIONAL, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE

Portugal condecora Ramos Horta com Grande-Colar da Ordem de Camões

Portugal condecora Ramos Horta com Grande-Colar da Ordem de Camões

O Presidente da República português, Marcelo Rebelo de Sousa, e o seu homólogo timorense, José Ramos Horta. Imagem/PR.

DÍLI, 03 de novembro de 2022 (TATOLI) – O Presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, condecorou o seu homólogo timorense, José Ramos Horta, com Grande-Colar da Ordem de Camões.

Segundo a Presidência de Portugal, a Ordem de Camões destina-se a distinguir quem tiver prestado serviços relevantes à língua portuguesa e à sua projeção no mundo e à intensificação das relações culturais entre os povos e as comunidades que se exprimem em português e serviços relevantes para a conservação dos laços das comunidades portuguesas com Portugal.

“O prémio é um ato de reconhecimento. O Governo português também já o concedeu a outros líderes nacionais timorenses, tais como Kay Rala Xanana Gusmão, Taur Matan Ruak, Mari Alkatiri e Francisco Guterres Lú Olo, para reforçar os laços de amizade entre Portugal e Timor-Leste”, disse Ramos Horta num comunicado do Palácio Presidencial timorense.

Recorde-se que esta foi a terceira condecoração que Ramos Horta recebeu do Governo de Portugal, precedida pela Ordem de Liberdade de Portugal, em 1998, e pela Ordem do Infante D. Henrique, em 2011.

Ramos Horta salientou que a Ordem de Camões é o grau mais elevado dado pelo Presidente de Portugal à visita de um Chefe de Estado de outros países com o objetivo de reforçar as relações bilaterais.

O Presidente de Timor-Leste, José Ramos Horta, recebeu vários prémios mundiais, tais como o Prémio Nobel da Paz (1996), a Ordem de Dom Boaventura (2006), a Ordem de Timor-Leste (2012), bem como as ordens da Austrália, do Brasil, de Cuba, da Guiné-Bissau e de Cabo Verde.

Jornalista: Afonso do Rosário

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!