iklan

INTERNACIONAL, DÍLI, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE

Japão apoia PAM com três milhões de dólares para ajudar o país na área da segurança alimentar

Japão apoia PAM com três milhões de dólares para ajudar o país na área da segurança alimentar

Imagem da Tatoli/Francisco Sony.

DÍLI, 22 de setembro de 2021 (TATOLI) – A Embaixada do Japão em Timor-Leste apoiou o Programa Alimentar Mundial (PAM) com três milhões de dólares americanos para ajudar  Timor-Leste na área da segurança alimentar.

“Os três milhões de dólares americanos visam ajudar a população em crise [pela situação pandémica e o desastre natural de abril]”, disse o Embaixador do Japão em Timor-Leste, Masami Kinefuchi, aos jornalistas, depois de assinar o acordo, no Hotel Timor.

O diplomata referiu que a verba será distribuída a 40 mil habitantes na forma de bens de primeira necessidade como óleo, arroz e feijão.

Masami Kinefuchi sublinhou que a eliminação da má nutrição é a responsabilidade principal de qualquer Governo timorense para assegurar o bem-estar do povo.

“O Governo timorense está a tomar medidas que fazem parte da agenda política, como o ‘plano de ação nacional de consolidação da segurança alimentar e o plano de ação para o ODS  fome zero’. Espero que a nova contribuição [do Governo nipónico] possa ajudar o Executivo a aumentar o bem-estar do povo”, revelou.

Já o Ministro Coordenador dos Assuntos Económicos, Joaquim do Carmo, disse que a Embaixada do Japão apoia o PAM para ajudar o programa de segurança alimentar.

O ministro referiu ainda que Timor-Leste se encontra em dificuldades com a situação da pandemia e das cheias no passado mês de abril, por isso é necessária uma ajuda com base no apelo do Governo à comunidade internacional.

Também o representante do PAM, Dageng Liu, considerou que o apoio coincide com o programa do PAM sobre a melhoria da nutrição populacional.

“A ajuda ao PAM pode melhorar a nutrição da população e salvar vidas”, referiu.

Entre três milhões de dólares, 2.5 milhões de dólares destinam-se ao programa alimentar e a restante verba é alocada para apoio à política do Governo.

Recorde-se que o Executivo nipónico alocou 16 milhões de dólares americanos, que foram direcionados à UNICEF, à Agência Internacional de Cooperação do Japão, ao Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, ao Banco Asiático de Desenvolvimento e às Organizações Não-Governamentais para fazerem face à situação provocada pela covid-19 em Timor-Leste.

Além disso, o Japão ofereceu a Timor-Leste 186 mil doses de vacinas, frigoríficos, viaturas, entre outros apoios. Cooperamos na resposta à covid-19 no país com a UNICEF que, no ano passado, executou bem o fundo no valor de 780 mil dólares americanos.

Jornalista: Jesuína Xavier

Editor: Zezito Silva

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!