iklan

DÍLI, NACIONAL, SEGURANÇA

MI instala câmara termográfica no posto fronteiriço de RAEOA

MI instala câmara termográfica no posto fronteiriço de RAEOA

Teste temperatura. Imagem Tatoli/António Gonçalves

DÍLI, 14 de janeiro de 2021 (TATOLI)- O Diretor-Geral do Serviço de Migração, o Superintendente Assistente, Luís Barreto, revelou que uma equipa técnica procedeu à instalação de uma câmara termográfica no posto fronteiriço de Sacato, na Região Administrativa Especial de Oé-Cusse Ambeno (RAEOA), com o objetivo de detetar a temperatura corporal de todos os passageiros.

Diretor-Geral do Serviço de Migração, o Superintendente Assistente, Luís Barreto

Luís Barreto  afirmou ainda que a câmara termográfica agora instalada neste posto fronteiriço irá permitir  efetuar a monitorização e deteção da temperatura corporal a todas pessoas que entram e saem do enclave de Oé-Cusse. A medida visa, pois, conter uma eventual propagação do surto da covid-19 na região.

O diretor-geral lembrou, entretanto, que foram igualmente instaladas câmaras termográficas no Aeroporto Internacional Nicolau Lobato de Díli, no posto fronteiriço de Motain, em Batugadé e no Posto de Migração de Salele no Suai.

“No passado dia 6 de janeiro deste ano, montámos várias câmaras termográficas localizadas em diferentes zonas fronteiriças para detetar a temperatura corporal de todas as pessoas que circulam junto à fronteira. O objetivo é impedir que a covid-19 possa surgir entre nós”, disse Luís Barreto, em declarações aos jornalistas, no Serviço de Migração, em Vila Verde, Díli.

O responsável acrescentou, por último, que, caso sejam identificadas pessoas com sintomas da covid-19, o Serviço de Migração dará de imediato conhecimento ao Ministério da Saúde para que os doentes sejam encaminhados para centros de quarentena ou de isolamento.

Jornalista : Eugénio Pereira

Editor       :  Francisco Simões/Tradutora: Nelia Fernandes

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!