iklan

ECONOMIA, NACIONAL, NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA, NOTÍCIAS DE HOJE

Resultados de Censos Agrícolas de 2019 revistos em Banguecoque antes do lançamento

Resultados de Censos Agrícolas de 2019 revistos em Banguecoque antes do lançamento

Diretor-Geral de Estatística do Ministério das Finanças, Elias dos Santos Ferreira. Imagem/Egas Cristovão.

DÍLI, 12 de maio de 2020 (TATOLI) – O Diretor-Geral de Estatística do Ministério das Finanças, Elias dos Santos Ferreira, revelou que o Ministério da Agricultura e Pescas (MAP), a Direção-Geral de Estatística e a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO) enviarão os dados dos Censos Agrícolas de 2019 para o escritório regional da FAO em Banguecoque, na Tailândia, para efetuar a revisão.

“Os dados dos Censos Agrícolas estão em fase de finalização. A nossa equipa e a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação apresentarão os dados ao escritório regional, em Banguecoque, para fazer a revisão. Estão corretos 98% dos dados e efetuarão apenas a revisão para que os possamos lançar”, disse hoje Elias dos Santos aos jornalistas após o encontro com o Primeiro-Ministro (PM), Taur Matan Ruak, no Palácio do Governo.

Segundo o diretor-geral, o relatório dos resultados dos Censos da Agricultura estão prontos e, quando a FAO finalizar a revisão, serão lançados em breve para que se possa “saber qual o número de agricultores e pessoas que se dedicam à pecuária”.

O Diretor-Geral de Estatística recordou também que faz parte destes censos o número total de famílias e de população em Timor-Leste.

“São relevantes estes dados sobre o registo de famílias em cada suco e aldeia, já apresentados a nível nacional e ao Ministério da Administração Estatal (MAE), que os está a compilar”, disse.

Elias dos Santos lembrou ainda que a Direção-Geral de Estatística necessita também dos dados de cada suco do MAE, que são cruzados com os dos Censos Agrícolas.

O diretor-geral informou também o PM sobre o adiamento dos Censos da População de 2020 para 2021 devido a não haver atualmente Orçamento Geral de Estado.

De acordo com dados dos Censos da População em 2015, o total de agregados familiares em Timor-Leste era de 204.597 e nos Censos Agrícolas de 2019 subiu para 213.400, o que representa um aumento de 4%. O total de população em 2015 era superior a 1,1 milhões e nos Censos Agrícolas 2019 aumentou 3%.

Jornalista : Nelia Fernandes

Editora : Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!