iklan

EDUCAÇÃO, DÍLI, NACIONAL

Xanana Gusmão quer uma educação inclusiva e de qualidade

Xanana Gusmão quer uma educação inclusiva e de qualidade

Primeiro-Ministro, Kay Rala Xanana Gusmão. Foto Tatoli

DÍLI, 19 de julho de 2023 (TATOLI) – No decorrer do debate sobre o programa do Governo no Parlamento Nacional, o Primeiro-Ministro, Xanana Gusmão, referiu que em 2028 a educação em Timor-Leste será mais inclusiva e de melhor qualidade.

Para o Chefe do Governo uma melhor educação contribui para responder às necessidades e exigências do mercado de trabalho, para a reduzir a taxa de desemprego e para quebrar o círculo vicioso de pobreza intergeracional.

Segundo o Chefe do Executivo, com a participação efetiva da comunidade educativa e com a contribuição ativa das entidades públicas e privadas alcançam-se resultados sustentáveis.

De acordo com o Primeiro-Ministro, o programa do Governo que se destina ao setor da educação visa promover a definição e implementação de intervenções educativas com base em evidências científicas, concretas e estudos rigorosos de qualidade. Acrescentou ainda que o Governo vai melhorar a qualidade da educação e da formação profissional, garantindo igualdade no acesso ao ensino.

É intenção do Governo “reformar a gestão e administração do sistema educativo, a nível do Ministério da Educação e a nível municipal, incluindo reformar a definição de procedimentos e sistemas adequados de acompanhamento e avaliação, bem como melhorar a qualidade do ensino em todas as áreas educativas, através do reforço da formação dos professores”, declarou Xanana Gusmão.

O Primeiro-Ministro afirmou ainda que se vai rever o Currículo Nacional do Ensino Secundário-Geral para garantir que os estudantes possam obter competências adequadas às exigências do mercado de trabalho.

Xanana Gusmão frisou ainda que o Executivo vai continuar a construir e a reabilitar escolas e a fornecer equipamentos. Frisou também que se vai efetuar uma avaliação relativa ao desempenho dos alunos, bem como proceder aos estudos e à avaliação financeira necessários para se iniciar o processo de extensão das escolas CAFE aos postos administrativos.

Na mira do Governo estão também, entre outros, o aumento do número de bolsas de estudo e a melhoria do ensino superior.

Notícia relevante: Primeiro-Ministro declara priorizar os setores da saúde e da educação

Jornalista: Afonso do Rosário

Editora: Isaura Lemos de Deus

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!