iklan

DÍLI, HEADLINE, NACIONAL, NOTÍCIAS DE HOJE

Cerca de duas mil pessoas afetadas pelas chuvas e inundações

Cerca de duas mil pessoas afetadas pelas chuvas e inundações

Imagem especial

DÍLI, 17 de julho de 2023 (TATOLI) – A Autoridade de Proteção Civil (APC) divulgou hoje o número de vítimas causado pelas inundações que ocorreram no início deste mês. Segundo o Diretor do Gabinete Relações Externas e Comunicação da instituição, Anacleto Caetano, registaram-se 1.970 vítimas, três mortes e uma criança ainda com paradeiro desconhecido.

Relativamente aos danos materiais, o dirigente acrescentou que as fortes chuvas causaram vários deslizamentos de terras, provocando estragos em 1.148 habitações – 413 das quais ficaram totalmente destruídas e 735 parcialmente.

A ACP explicou que centenas de vítimas tiveram de ser realojadas em espaços escolares e que o Governo já disponibilizou materiais de construção a 64 agregados familiares em Covalima e Bobonaro, acrescentando os restantes vão recebê-los brevemente.

A este propósito, o Vice-Presidente do Parlamento Nacional, Adolfo Martins, solicita ao Governo que “preste atenção ao sofrimento das vítimas”, pois muitas delas “perderam todos os seus bens”. Para o deputado, “é melhor o Governo, através da Secretária de Estado da Proteção Civil, marcar presença no Parlamento Nacional para clarificar o mecanismo de apoio, bem como apresentar um plano de prevenção de riscos de desastres naturais”.

Ainda assim, Adolfo Martins, reconhece que, após as inundações, o Governo orientou, de imediato, o Ministério das Obras Públicas e o Instituto de Gestão de Equipamentos e Apoio de Desenvolvimento de Infraestruturas (IGEADE) a mobilizarem equipas de apoio para os locais afetados, bem como a consertarem as estruturas rodoviárias afetadas.

Recorde-se que as fortes chuvas no início deste mês provocaram inundações repentinas e deslizamentos de terras nos municípios de Lautém, Ainaro, Covalima e Manufahi, causando vários deslizamentos de terras, destruição de pontes e danos em estradas.

Segundo dados da ACP, este ano, as inundações em Timor-Leste já causaram 25 vítimas mortais e avultados danos materiais.

Notícia relevante: Chuvas torrenciais: danos estruturais, desalojamento de famílias e quatro crianças desaparecidas

Jornalista: Domingos Piedade Freitas

Editora: Isaura Lemos de Deus

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!