iklan

POLÍTICA, INTERNACIONAL, DÍLI, HEADLINE, NACIONAL, NOTÍCIAS DE HOJE

Verificada qualidade da tinta para eleições parlamentares

Verificada qualidade da tinta para eleições parlamentares

Foto Tatoli/Francisco Sony

DÍLI, 30 de março de 2023 (TATOLI) – Representantes da Comissão Nacional de Eleições (CNE), do Secretariado Técnico de Administração Eleitoral (STAE), do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e dos partidos políticos candidatos verificaram a qualidade da tinta indelével que será usada nas eleições parlamentares. A decisão sobre a adequação da mesma para o efeito foi unânime.

O Presidente da CNE, José Belo, revelou que, após testes à qualidade da tinta para as eleições parlamentares, se verificou que a mesma é apta. “A tinta indelével contribui para assegurar a qualidade, a contabilidade e transparência que queremos implementar nestas eleições”, disse José Belo, no Salão de Laline Lariguto, em Caicoli.

O presidente salientou ainda que esta aprovação unânime contribui para afastar qualquer suspeita ou desconfiança que pudesse surgir de órgãos eleitorais ou de partidos políticos.

Por sua vez, a representante do PNUD, Munkhtuya Altangerel, informou que a tinta indelével é muito importante para o Estado timorense na realização e na implementação destas eleições. “A amostra de tinta indelével que testamos perante representantes de partidos políticos e de órgãos eleitorais é um ato que contribui para assegurar a transparência e imparcialidade do ato eleitoral e do próprio país”, advogou. Feito o teste com sucesso, Munkhtuya Altangerel  revelou que a tinta indelével chegará a Timor-Leste no dia 12 de abril.

O Diretor-Geral do STAE, Acilino Branco, entrou neste debate, informando que “a qualidade da amostra de tinta indelével contribui para garantir a qualidade da própria eleição relativamente aos critérios de transparência e de dignidade. “O resultado do teste à tinta evitará especulações, por parte da população, relativas a qualquer espécie de irregularidades”, advertiu Acilino Branco.

Representantes de partidos políticos que testaram e verificaram a qualidade da tinta indelével foram o CNRT, o KHUNTO, o PST e o PLP, estando ainda presentes dois membros de órgãos eleitorais.

Recorde-se que nas últimas eleições presidenciais foram gastos cerca de 360 mil dólares na aquisição da tinta indelével.

Notícia relevante: Tinta indelével para ato eleitoral chega ao país a 12 de abril

 Jornalista: Domingos Piedade Freitas

Editora: Isaura Lemos de Deus

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!