iklan

INTERNACIONAL, ECONOMIA, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE

Reciclagem de resíduos de plásticos contribui para ambiente saudável

Reciclagem de resíduos de plásticos contribui para ambiente saudável

Presidente da Tane Consumidor, António Ramos.

DÍLI, 15 de março de 2023 (TATOLI) – O Presidente da Associação de Defesa dos Consumidores de Timor-Leste (TANE), António Ramos, defendeu que a transformação dos resíduos de plástico em produtos úteis contribui para um ambiente mais limpo.

A afirmação foi feita no lançamento de uma campanha de sensibilização, sob o tema Reciclagem e Separação de lixo na Transformação de um Economia Circular com Benefícios para o Consumo que a TANE organizou, no âmbito do Dia Mundial dos Direitos do Consumidor. A campanha vai decorrer até 17 de maio, altura em que se assinala o Dia Internacional da Reciclagem.

Para transformar os resíduos domésticos e industriais em benefícios económicos para as pessoas e para o meio ambiente, a TANE sugeriu aos consumidores e às empresas que separassem os componentes do lixo, isto é, que fizessem uma triagem, como por exemplo, plásticos e garrafas, para que aqueles sejam reaproveitados e transformados em novos produtos.

“A reciclagem de lixo tem diversas vantagens. A redução do lixo espalhado em locais públicos e a diminuição da poluição são apenas duas delas”, referiu o presidente.

António Ramos explicou que a reciclagem começa pela separação dos resíduos não orgânicos, como embalagens, metais, vidros, papéis e cartões, tampas e rótulos de garrafas. Segue-se uma triagem dos resíduos que são posteriormente tratados e transformados em matérias-primas para novos produtos.

O presidente apelou ao Governo para que colocasse caixotes de reciclagem em locais públicos para que a população comece a adquirir hábitos de separação de lixo.

Para o efeito, a Autoridade Municipal de Díli (AMD) prometeu colocar, entre maio e julho deste ano, 2.165 novos contentores de lixo em vários pontos da capital, dos quais 2.020 vão ser colocados em bairros que são de difícil acesso e 145 vão ser colocados em vias públicas.

António Ramos salientou que os resíduos espalhados pela capital constituem uma preocupação pública, por isso, considera que todos os cidadãos devem contribuir para a reciclagem do lixo.

De acordo com dados de 2015, são diariamente produzidas em Díli mais de 200 toneladas de lixo, das quais 55% dos resíduos são despejados na lixeira de Tíbar e 45% vão diretamente para valetas, rios e mar.

Jornalista: Jesuína Xavier

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!