iklan

HEADLINE, NACIONAL, NOTÍCIAS DE HOJE

Taur pede a Comissão dos Censos da População que apresente relatório

Taur pede a Comissão dos Censos da População que apresente relatório

Vice-Ministro das Finanças, António Freitas. Imagem Tatoli/Egas Cristóvão.

𝐃ÍLI, 𝟏1 𝐝𝐞 𝐨𝐮𝐭𝐮𝐛𝐫𝐨 𝐝𝐞 𝟐𝟎𝟐𝟐 (TATOLI) — O Vice-Ministro das Finanças, António Freitas, disse hoje que o Primeiro-Ministro, Taur Matan Ruak, pediu à Comissão Técnica dos Censos da População de 2022 que apresente o seu relatório. As regras ditam que, antes de publicitar este relatório, o mesmo deve ser apresentado ao Primeiro-Ministro.

“A equipa técnica da Direção-Geral de Estatística está a finalizar o relatório e a emitir algumas recomendações. Atualmente, a Comissão Nacional dos Censos ainda está a discutir a recomendação de apresentar o relatório primeiro ao Chefe do Governo. No entanto, não me pronunciei antecipadamente se deveria, ou não, ser prolongada a finalização do relatório para aquele efeito”, disse o governante, após a conclusão da reunião semanal com o Primeiro-Ministro, na residência do Chefe do Governo, no Farol.

O governante adiantou que os Censos dos agregados familiares na capital atingiu  87%, do total, pois o Município de Díli é o que tem maior população no país. Por tal, com o crescimento dos agregados familiares na capital e com os dados em falta, prolongar ou não a continuidade dos Censos, é da competência da Comissão Nacional.

Segundo os dados provisórios dos Censos da população de 2022, registaram-se  235 mil agregados familiares, uma população de 1,3 milhões de habitantes composta por 657 mil homens e 633 mil mulheres.

O Vice-Ministro apresentou uma nova ideia para estes Censos: que não se deviam realizar a cada cinco anos, mas a cada dez.

Notícia relevante: Mais de um milhão de habitantes participaram nos Censos

Jornalista: Domingos Piedade Freitas

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!