iklan

ECONOMIA, HEADLINE, NOTÍCIAS DE HOJE

Mercy Corps e SEA discutem reciclagem de lixo

Mercy Corps e SEA discutem reciclagem de lixo

Mercy Corps e SEA discutem reciclagem de lixo.

LI, 03 de junho de 2022 (TATOLI) – A organização não governamental (ONG) Mercy Corps e a Secretaria de Estado do Meio Ambiente (SEA) discutiram a gestão de resíduos plásticos e a reciclagem de lixo.

O gerente do programa de Circular da Economia, ClementAlbano, no âmbito da celebração do Dia Mundial do Meio Ambiente, disse que a Mercy Corps pretende reunir-se com outras ONG e com o Governo para partilhar ideias sobre gestão de lixo.

“Os grupos empresariais devem contribuir para a prevenção dos resíduos. Os sacos de plástico prejudicam muito o ambiente”, afirmou aos jornalistas, na Fundação Oriente.  

O responsável referiu ainda que 12 grupos empresariaisparticiparam no evento sobre gestão de resíduos plásticos na atividade de negócios.

Já o Diretor Nacional de Água e Saneamento, Herminio Moniz Ribeiro, admitiu que a recolha de lixo na capital não está bem organizada, pois há poucos contentores e estão mal distribuídos.  

O diretor afirmou ainda que o aterro de resíduos de Tibarprecisa também de uma melhor gestão e, por isso, as autoridades estão a mobilizar esforços para que a população saia das proximidades. Na sequência,

“O Governo já indemnizou alguns residentes.

Entretanto, o Diretor Nacional de Controlo da Poluição da SEA, Nelson Madeira, disse que o Executivo aplica uma taxa de 30% às empresas que importam plásticos.

Segundo dados de 2015, são produzidas diariamente, em Díli, cerca de 200 toneladas de lixo. O estudo levou o Governo a priorizar a implementação da política “plástico zero”, através de vários decretos-lei, nomeadamente o do Sistema de Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos.

Jornalista: Jesuína Xavier

Editora: Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!