iklan

INTERNACIONAL, NOTÍCIAS DE HOJE

Convenção de mobilidade será um acordo importantíssimo para vida da CPLP

Convenção de mobilidade será um acordo importantíssimo para vida da CPLP

Imagem da CPLP.

PORTUGAL, 14 de julho de 2021 (TATOLI) – O novo Secretário da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), o antigo Ministro dos Negócios Estrangeiros (MNE) timorense, Zacarias Albano da Costa, disse que o assunto da mobilidade de pessoas é importantíssimo na cimeira em Luanda, Angola.

“A Convenção sobre a mobilidade será um acordo importantíssimo para a vida da CPLP. Permite que a CPLP seja mais dos cidadãos e não apenas de uma elite. E aproveito para felicitar Cabo Verde que colocou este tema como um assunto importante na sua presidência, que agora termina com sucesso”, disse o novo Secretário da CPLP, à Tatoli, no hotel Tivoli, na Avenida da Liberdade, em Lisboa, Portugal.

Segundo o ex-MNE, de qualquer forma, é um acordo ainda muito geral e depende de cada Estado-Membro caminhar à velocidade que pretende na implementação das várias etapas.

“Não temos dúvidas. Ainda temos muito para andar até chegarmos à situação de uma mobilidade total de pessoas e bens, até porque estamos situados geograficamente em realidades descontínuas, o que torna ainda mais difícil este objetivo”, afirmou.

O antigo governante timorense salientou ainda que “os Estados-Membros devem, na verdade, caminhar para a frente, ser sempre criativos e procurar soluções que tornem a comunidade uma comunidade dos cidadãos, mas respeitando sempre o princípio de que cada país tem as suas leis para ajustar e as suas obrigações e responsabilidades no contexto regional em que se encontram inseridos”.

O novo secretariado executivo irá certamente fazer o acompanhamento que for decidido pelos Estados-Membros.

O dirigente lusófono avançou também que um outro aspeto que importa salientar é o da cooperação económica e empresarial, tema bastante importante durante a presidência angolana que vai agora começar e que coincide precisamente com o seu mandato.

A CPLP aparece hoje, não só como um espaço da lusofonia de países com uma ligação histórica e cultural, mas também como um espaço económico que tem suscitado um enorme interesse em todo o mundo.

“Por isso mesmo, creio eu, aparecem cada vez mais países interessados em se associarem à CPLP, caso dos Estados Unidos da América, do Canadá, da Índia, etc., o que elevará o número total de Observadores Associados para mais de 30 depois de Luanda”, adiantou.

Em Luanda, a componente económica e empresarial vai sair mais reforçada e o trabalho futuro será criar os mecanismos e os instrumentos necessários para atingir esse objetivo.

Zacarias Albano será empossado como Secretário Executivo da CPLP em Luanda, no próximo dia 17 de julho, durante a XIII Conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP, sob o lema “Construir e Fortalecer um Futuro Comum e Sustentável”.

Na cimeira, vai ser aprovada a convenção sobre a mobilidade de cidadãos entre os Estados-Membros da CPLP.

Notícia relevante: Zacarias Albano continua a implementar trabalho do seu antecessor na CPLP

Jornalista: Domingos Piedade Freitas

Editora: Mari Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!