iklan

NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA, NOTÍCIAS DE HOJE, SAÚDE

Mais 14 casos de covid-19, Timor-Leste com 65 infeções ativas

Mais 14 casos de covid-19, Timor-Leste com 65 infeções ativas

Equipa de saúde.

DÍLI, 11 de março de 2021 (TATOLI) – O Centro Integrado de Gestão de Crise (CIGC) registou hoje mais 12 casos ativos de covid-19 em Díli e dois no Município de Covalima, no Posto Administrativo de Fatumean, aumentando para 65 o número de infeções ativas em Timor-Leste.

O Coordenador da Força Tarefa para a Prevenção e Mitigação do Surto da covid-19 em Timor-Leste, Rui Araújo, afirmou que a equipa de vigilância está, desde ontem, a localizar os contactos dos infetados e a recolher amostras, tendo já detetado mais 12 casos positivos.

Rui Araújo explicou que um dos novos casos, detetado em Bebonuk, é contacto próximo do infetado na zona em causa, oito estão relacionados com o foco na Secretaria de Estado da Formação Profissional e Emprego (SEFOPE), dois ligam-se aos casos dos ministérios das Finanças e dos Transportes e Comunicações (MTC) e um provém da aldeia 04 de Setembro, em Tasi-Tolu.

O coordenador referiu ainda que, em Díli, as 36 infeções ativas dividem-se em 12 focos – seis de BTN II, da aldeia Terra Santa, três da aldeia Madohi, dois de Lurumata, um da aldeia de 04 de Setembro, em Comoro, três da aldeia Fomento, três da aldeia 05 de Fatuhada, dois de Bebonuk, um de Delta, três do Ministério das Finanças, nove da SEFOPE, dois do MTC e um do Hospital Nacional Guido Valadares.

No que toca aos dois casos de Fatumean, Rui Araújo disse que os dois infetados registaram uma carga viral entre 39 e 42, o que significa que se encontram já em fase de recuperação.

“O número de infeções ativas em Fatumean aumenta, assim, para 15. A equipa conjunta de saúde continua a procurar os contactos dos casos positivos”, afirmou.

O CIGC pede a toda a população de Díli que mantenha a calma e cumpra as regras do confinamento domiciliário de modo a permitir à equipa da linha da frente fazer o seu trabalho de localização dos contactos dos infetados.

Rui Araújo pediu também à comunidade de Covalima que respeitasse as medidas preventivas e evitasse cruzar a fronteira terrestre, embora o Governo já tenha suspendido a cerca sanitária, exceto em Fatumean.

“Apelo também a toda a população, nomeadamente nos dez municípios e na RAEOA, que mantenha a calma e cumpra as medidas de prevenção da covid-19”, concluiu.

Notícia relevante: Mais três casos de covid-19, sobe para 24 número de infeções ativas em Díli

Jornalista: Maria Auxiliadora

Editor: Zezito Silva

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!