iklan

NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA, NOTÍCIAS DE HOJE, SAÚDE

Taur: Importa melhorar qualidade do sistema de saúde

Taur: Importa melhorar qualidade do sistema de saúde

Primeiro-Ministro, Taur Matan Ruak. Imagem Tatoli/Egas Cristovão.

DÍLI, 30 de novembro de 2020 (TATOLI) – O Primeiro-Ministro (PM), Taur Matan Ruak, disse, no âmbito da luta contra a pandemia da covid-19, ser premente garantir o aumento considerável de ofertas de bens-públicos, em particular no domínio da saúde, de forma a melhorar a qualidade do sistema nacional de saúde.

“A pandemia de covid-19 veio mostrar o quão é importante é a população aceder a um sistema nacional de saúde de qualidade, fornecendo-lhe cuidados de saúde bem como infraestruturas públicas que respondam às suas necessidades”, afirmou o número dois do Governo, no âmbito do debate da Proposta de Lei do Orçamento Geral do Estado (OGE) para 2021 na generalidade, esta segunda-feira, em sessão plenária.

O Chefe do Governo lembrou ainda que nesta proposta estão previstos 4% do OGE de 2021, o equivalente a 86 milhões de dólares, para cobrir despesas relativas ao setor da saúde, sendo que 29,1 milhões de dólares serão investidos nos cuidados de saúde primários, em novos postos de saúde e em gastos com serviços públicos para o controlo de doenças, saúde na família, emergência médica, serviços de nutrição e apoio à estratégia da vigilância epidemiológica.

“Reforçamos os serviços de cuidados de saúde ao nível da atuação secundária e terciária com o montante de 19,6 milhões de dólares, dos quais 10,9 milhões de dólares são destinados aos cuidados hospitalares, 7,2 milhões de dólares ao  atendimento ambulatório e 1,3 milhões de dólares às infraestruturas”, referiu.

Acrescentou que se prevê ainda, no OGE de 2021, um montante de 11,4 milhões de dólares para o investimento do Hospital Nacional Guido Valadares (HNGV), designadamente no que respeita aos cuidados de saúde secundária e terciária. Além disso, prevê-se a concessão de apoio global, no valor de 10,7 milhões de dólares, destinados ao Serviço Autónomo de Medicamentos e Equipamentos de Saúde (SAMES) para reforçar o apoio e preparar cadeias de fornecimento médico, gestão farmacêutica e logística da saúde de modo a garantir a  prevenção e tratamento das diversas patologias.

Por último, e ainda no domínio da saúde, a proposta de lei prevê  alocar 4,8 milhões de dólares para a conclusão das obras de requalificação e do Hospital de Referência de Baucau, da unidade de cuidados intensivos e da sala de pediatria do HNGV.

Jornalista: Florêncio Miranda Ximenes

Editora: Julia Chatarina

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!