iklan

ÚLTIMAS NOTÍCIAS, DÍLI, NACIONAL, NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA, NOTÍCIAS DE HOJE, SAÚDE

Grupo em quarentena preocupado com falta de condições

Grupo em quarentena preocupado com falta de condições

DÍLI, 25 de março de 2020 (TATOLI) – Um grupo de pessoas mantido em quarentena no Hotel Novo Horizonte, em Díli, mostrou-se hoje preocupado com o atendimento por parte do Ministério da Saúde (MS) na medida em que estão alojadas duas pessoas em cada quarto, não se respeitando, assim, a distância social imposta pelo MS.

“Há duas ou três pessoas a dormirem no mesmo quarto. Como é que vamos prevenir a doença?”, disse preocupado um fonte confirmado em quarentena à Tatoli, no Hotel Novo Horizonte, em Metiaut.

Os ocupantes manifestaram igualmente preocupação com a falta de limpeza e a presença de mosquitos, sublinhando também que, durante os 14 dias de quarentena, poderão eventualmente contrair dengue ou outras doenças que não o Covid-19.

“Estamos aqui a cumprir os 14 dias para nos precavermos e evitarmos o contágio da doença. No entanto, o facto de estarem duas a três pessoas no mesmo quarto pode pôr em risco a nossa saúde”, referiu.

O grupo que se encontra em quarentena pediu, por isso, ao Ministério da Saúde que se respeitasse a distância social, sugerindo que fosse colocada uma só pessoa em cada quarto como medida de prevenção do Covid-19.

“As condições da quarentena não são as melhores, pois as refeições chegam, por vezes, com atraso, e causam dores no estômago. Além disso, a comunidade local fez uma ação de protesto contra a nossa estadia aqui no hotel”, acrescentou.

A fonte destacou ainda a necessidade de apoio familiar, em particular na entrega de alimentos, salientando, contudo, que ainda não puderam contactar a família.

Encontram-se atualmente em quarentena cerca de 102 cidadãos timorenses incluindo cidadãos estrangeiros.

Estanislau Amaral, médico destacado no Novo Horizonte, considera que as preocupações do grupo em quarentena são legítimas por se encontrarem, num só quarto, duas a três pessoas, o que facilita um eventual contágio.

“É muito arriscado, mas vou informar o programa de epidemiologia do Covid-19 para que sejam tomadas medidas”, concluiu.

Jornalista : Zezito Silva
Editor : Maria Auxiliadora

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!