iklan

INCLUSÃO SOCIAL, DÍLI, NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA, NOTÍCIAS DE HOJE, SAÚDE

46 % da população timorense sofre de nanismo

46 % da população timorense sofre de nanismo

DÍLI, 11 de março de 2020 (TATOLI) – De acordo com os dados demográficos dos Inquéritos de Saúde divulgados pela agência internacional Programa Alimentar Mundial (PAM), 46% dos timorenses, entre os 1.167.242 habitantes, sofrem de nanismo devido a problemas de má nutrição.

“Em Timor Leste, as agências internacionais e o Ministério da Saúde efetuaram uma pesquisa, segundo a qual quase metade da população enfrenta problemas de subnutrição”, disse o Coordenador do Programa da Educação e Saúde de Nutrição do PAM em Timor-Leste, Inácio dos Santos, à Agência TATOLI, na Escola Secundária 04 de Setembro UNAMET, em Balide, Díli.

Segundo Inácio dos Santos, o relatório do PAM mostra que Timor-Leste é um dos países do sudeste asiático com maior taxa de casos de má nutrição.

O programa-piloto da Educação e Saúde de Nutrição do PAM visa facultar aos estudantes novos conhecimentos sobre cuidados a ter com a saúde, nomeadamente no consumo de alimentos nutritivos para prevenir problemas como a anemia.

O representante do Ministério da Saúde, António da Costa, afirmou, por sua vez, que o Centro de Saúde de Vera Cruz registou um número significativo de pacientes com anemia, em particular grávidas que sofrem de má nutrição.

“Temos fornecido alimentos ricos em vitaminas às grávidas e lactantes”, referiu.

O apoio tem como objetivo garantir o crescimento dos recém-nascidos assim como evitar que as mulheres em idade reprodutiva possam sofrer de anemia.

Jornalista: Tomé Amado
Editor: Agapito do Santos

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!