iklan

INTERNACIONAL, DÍLI, NOTÍCIAS DE HOJE, SAÚDE

Saúde timorense encontrar-se-á com investigadores australianos para abordar questão do teste do coronavírus

Saúde timorense encontrar-se-á com investigadores australianos para abordar questão do teste do coronavírus

Foto google

Díli, 10 de março de 2020 (TATOLI) – O Diretor-Geral do Hospital Nacional Guido Valadares (HNGV), Aniceto Cardoso Barreto, disse que o Ministério da Saúde (MS) se encontrará amanhã com uma equipa de investigadores de uma universidade da Austrália para abordar a questão dos testes laboratoriais para os casos suspeitos de infeção com o novo coronavírus.

“O MS, representado por uma equipa do HNVG, reunir-se-á com o centro de estudos de uma universidade da Austrália para falar sobre os testes laboratoriais de suspeitos com coronavírus. Pretendemos que os testes sejam realizados aqui [em Timor-Leste], pois os resultados vindos da Austrália demoram em média sete dias”, referiu Aniceto Cardoso à Agência TATOLI, hoje, no edifício do Ministério de Saúde, em Caicoli.

O diretor defendeu ainda que o novo coronavírus constitui atualmente uma epidemia séria, sendo, por isso, necessário criar um centro laboratorial para fazer face ao surto do vírus em Timor-Leste.

Questionado sobre os equipamentos de vigilância de sintomas do Covid-19, Aniceto Cardoso Barreto afirmou que o centro hospitalar possui meios suficientes que permitem aos profissionais de saúde realizar o seu trabalho.

O responsável manifestou igualmente a sua insatisfação com o facto de a comunidade não cooperar com o Governo para a instalação de um centro de quarentena com vista a suster um eventual surto do coronavírus no país, como é o caso da população de Tíbar, que recebeu, no passado domingo (08/03), a equipa do MS com protestos, quando esta pretendia transportar um suspeito da infeção para a localidade.

Jornalista: Domingos Piedade Freitas
Editor: Zezito Silva

iklan
iklan

Leave a Reply

iklan
error: Content is protected !!